sábado, 11 de dezembro de 2010

À espera.

Estou eu aqui. À espera de uma única palavra que poderia mudar todo o meu mau-humor e toda a dor que transpira pelos meus olhos e pelo meu corpo terrivelmente cansado. Talvez já nada chegará, uma única reacção ou até um simples agradecimento que não te ficava nada mal. Não, não penses que preciso de agradecimentos, porque todas as palavras que te proferi sairam naturalmente. Mas não te posso dizer que não preciso de uma simples palavra ou de um simples sorriso. Era o que mais queria, continuo a querer e espero. Solta de uma vez por todas as palavras que eu tanto quero ouvir. Liberta-te e fala com o coração. Diz que me odeias, diz que sou ridicula. Pode doer. Mas diz, por favor. Só não suporto mais esse teu silêncio, esse teu desprezo que me consome a tranquilidade que necessito para enfrentar mais um longo dia. Dá-te prazer? Desprezar-me, dá-te gozo? Pára. Eu peço-te. Olha até que ponto eu cheguei. Se até já nem me importo de te implorar ou pedir-te de joelhos para que deixes de ser tão injusto e insensivél comigo. Olha os efeitos inconscientes que causas em mim. O amor próprio que me retiras sem dó nem piedade. A minha própria dignidade que se desfaz em pedidos não atendidos. O meu próprio orgulho que perde a razão só para te ouvir e sentir-te mais perto de mim. É triste não é? Mas a culpa é toda a tua. E eu só sei, que me vejo perdida em ti e em todo o sentimento que nutro por ti.

ODEIO-ME.

168 comentários:

  1. oh obrigada, mas o teu também está, muito mesmo (:

    ResponderEliminar
  2. tu é que és uma querida, princesa *.*

    ResponderEliminar
  3. esta tristemente lindo...
    O amor tem destas coisas, dá-nos tudo mas também nos pode tirar (tudo).

    ResponderEliminar
  4. epa amor, nao consigo de parar de amar o teu blog

    ResponderEliminar
  5. antes fosse! se isto chega onde chega é devido a vocês.
    amor, forçaaaaaa és mais forte e vales mais do que pensas <3

    ResponderEliminar
  6. Nós somos lindas, inteligentes e precisas em qualquer altura.

    ResponderEliminar
  7. e tu princesa, nem imaginas o quanto ! *.*

    ResponderEliminar
  8. OBRIGADA PRINCESS. <3 não passo um dia sem vir ao teu blog *.*

    ResponderEliminar
  9. ;)
    A música do meu blog, deixa-me sensibilizada, ainda por cima, estamos na altura do Natal. Eu fico afectiva.

    ResponderEliminar
  10. também eu, é das coisas que mais adoro no ano.

    ResponderEliminar
  11. Oh princesa está linda a carta, mas não te odeies querida, porque se não gostarmos de nós próprios ninguém gostará. Oh princesa admiro a tua força de vontade de lhe implorares para falar contigo, olha que são poucas as pessoas que tem essa coragem! Admiro-te muito princesa ♥

    ResponderEliminar
  12. - não te odeies, por causa dos outros, não merecem !

    ResponderEliminar
  13. está lindo amor :')
    Gosto bastante de ti! <3

    ResponderEliminar
  14. não tens de quê :)
    amo o teu blog! os posts e a música deixam-me encantada *-*

    ResponderEliminar
  15. está lindo meu amor, mas não é assim que te quero. quero-te bem, feliz, valoriza-te* <3

    ResponderEliminar
  16. Que texto forte e triste ao mesmo tempo :s
    Força :$

    ResponderEliminar
  17. É lixada não é? :s
    Eu sei bem o que é estar a sofrer e por vezes não haver nada a fazer :o

    ResponderEliminar
  18. Oh minha linda não tens que agradecer nada ♥

    ResponderEliminar
  19. Mas estou, mas tenho saudades de algumas coisas. é normal.

    ResponderEliminar
  20. eu sei que é meu amor, eu sei que é* mas sabes que estou aqui a torçer pela tua felicidade não sabes?

    ResponderEliminar
  21. Tenta ter calma querida :s , eu sei que por vezes não é fácil, mas vê se consegues .

    Muita força e se quiseres podes falar comigo, o que deve ser para já, impossível ;o

    ResponderEliminar
  22. ainda bem, meu doce. ainda bem. já tive, fartei-me e apaguei. <3

    ResponderEliminar
  23. Oh obrigada fofinha *-*
    Eu acredito ♥

    ResponderEliminar
  24. Obrigada companheira.
    Digo-te uma coisa, o teu texto emocionou-me bastante, nem sei o que dizer. mas coragem e muita calma.

    ResponderEliminar
  25. Sim minha querida (: Gosto muito de ti ♥

    ResponderEliminar
  26. pelo o facto dos textos serem do antigo blog que tive* <3

    ResponderEliminar
  27. Não agradeças, eu sei como te sentes. E não gosto de saber que sofres tanto quanto eu.

    ResponderEliminar
  28. Digo que é impossível porque falamos á mínimo tempo Catarina, é por isso :s
    Eu não fiz nada para me agradeceres querida menina (:

    ResponderEliminar
  29. Eu acredito que sim. mas sabes, devemos viver os pequeninos momentos que temos porque são nossos e mais ninguém pode vivê-los por nós

    ResponderEliminar
  30. Lindo o post amoree!

    Há quanto tempo que não venho aqui hein?

    Ma tô de volta!

    hehe


    Bjos

    ResponderEliminar
  31. Nenhuma mesmo , foi das piores noticias que li até hoje :s
    esta musica está LINDA !

    ResponderEliminar
  32. Pois não, mas é uma questão de tentarmos que assim seja, porque muitas vezes não nos esforçamos

    ResponderEliminar
  33. Então eu também acredito Catarina :)
    Digo-te que também não tenho andado 100% bem :o

    Ainda bem que dei então, mas não disse nada de especial. *

    ResponderEliminar
  34. Vamos sim Caat :D
    Já vi que a querida aqui és tu, mas por vezes as forças esgotam-se e ficamos como que bloqueados :x

    ResponderEliminar
  35. - oh querida não podes ir assim tão abaixo x:

    ResponderEliminar
  36. És sim, eu é que sei :), então já somos duas a gostar de ajudar aqeles qe mais necessitam*

    Pois, mas se queres que te diga não tenho grandes sonhos, e se tenho por vezes não passam disso mesmo, na maior parte das vezes :s
    Sou uma pessoa um boqado pessimista e que sofre um pouco em silêncio :'

    ResponderEliminar
  37. Hó, que bom (:
    Claro que sim querida, mas tenho andado um pouco anora :o

    Hó, já me magoei muito, sofri, chorei, e acho que por fim não valeu pra nada, ou secalhar valeu, não sei :s

    ResponderEliminar
  38. Talvez tenhas razão querida, :s
    Também tenho andando confusa com certas coisas que me mexem com a cabeça, mas não deviam*

    ResponderEliminar
  39. mesmo amor .
    ai como amo os teus textos amor , é incrível !

    ResponderEliminar
  40. Como assim ouvir o meu coração? :s
    Por vezes não tenho paciência para tentar reflectir, por vezes também faço cenas ireflectidas e depois me arrependo :o

    Obrigadaaa Cat (:

    ResponderEliminar
  41. é tão mas tão bom saber isso meu amor <3

    ResponderEliminar
  42. ora não quero que agradeças e eu não faço nada de especial meu amor <3

    ResponderEliminar
  43. Por vezes não tenho tempo para isso, eu por vezes ando muito em stress por certas coisas :s

    Claro que tenho Catarina* (:

    ResponderEliminar
  44. Por vezes tenho catarina, e vem-me tantas lágrimas ao rosto e essas teimam tanto em continuar :s , vem a saudade, vem os momentos, vem tudo á cabeça :o

    ResponderEliminar
  45. Mas por vezes fico dias e dias a pensar nisso, e é isso que dá cabo de mim, pensar demasiado nas cenas que se passam e se passaram de bom :o

    E quando me ponho a ouvir música e a recordar tudo catarina? meu deus que sensações :s
    Há dias em que me sinto a real vencedora, outros sinto-me fraca e sem a mínima força*

    ResponderEliminar
  46. Ainda bem que compreendes, acredita que isso é bom (:
    Passas pelo mesmo que eu? :o
    Tenho, mas não ligo muito, acredita*

    ResponderEliminar
  47. Ei, que coincidência .. :o
    Tens-me que me contar essa história quando puderes :$

    Qual é teu nome no facebook?

    ResponderEliminar
  48. porque a minha mãe só me sabe tratar como uma criança! coisa que já não sou há muito...

    ResponderEliminar
  49. Ai quase nem nos conhecemos Catarina, e vais-me contar? :o
    Mas aparece lá muitas, não sei qual será :s

    ResponderEliminar
  50. Quando puderes como assim?
    A tua foto tem só meia cara, a do perfil?

    ResponderEliminar
  51. Não encontro, é melhor mandares-me o teu link .

    ResponderEliminar
  52. mas eu não quero que ela faça isso não gosto odeio que ela faça isso. x:

    ResponderEliminar
  53. Que sorte :x

    Escreves mesmo bem , esquece adoro .)

    ResponderEliminar
  54. o teu apoio é essencial, obrigada (:
    NÃO TE ODEIAS NADA, NÃO GOSTO DISSO!

    ResponderEliminar
  55. Princesa, por todas as tuas palavras de força, de alegria e de apoio, um grande obrigada! O teu carimbo está cá e no meu coração também. Aqui para tudo <3

    ResponderEliminar
  56. - Adorei o texto. Muito sincero e sentido (:

    Força querida, não te odeies!

    ResponderEliminar
  57. oin e eu a ti minha princesa. eu é q tenho de agradecer por tudo ♥

    ResponderEliminar
  58. Ai, ai, ai... Como eu te compreendo :'S
    Beijinhos*
    Joana Inês (:

    ResponderEliminar
  59. eu adoro-te rapariga.
    tens que entender o valor que tens amor

    ResponderEliminar
  60. (L sem dúvida esta perfeito ainda que os sentimentos ñ sejam aqueles que eu gostava de ver amor :x
    (L tu és forte querida tenho uma pequena ideia disso :)

    Força amor.

    ResponderEliminar
  61. - espero bem que sim, não te quero assim <3

    ResponderEliminar
  62. No meu blog esta a decorrer uma sondagem.Se puderes da la um saltinho ;) obrigado.

    ResponderEliminar
  63. mais um texto lindo vindo de uma pessoa linda :)*

    ResponderEliminar
  64. não tens nada que te odiar! és uma MULHER extremamente linda, forte e com uma optima pessoa! senão te sabem valorizar não te merecem!

    ResponderEliminar
  65. Na boa querida(:
    Posso saber como estás?

    ResponderEliminar
  66. não tens de agradecer, sabes beem <3 e adoro o aspecto do blog, já te tinha dito? *.*

    ResponderEliminar
  67. Oh não tens nada que agradecer minha querida, a sério (:
    Só quero que te sintas bem sim?

    ResponderEliminar
  68. há sim. tudo, tudo. tudo o que me dizes tudo isso vale muito para mim amor, acredita.
    eu adoro-te muito muito ♥

    ResponderEliminar
  69. Ainda bem minha querida, ainda bem : d ^^
    Força sim? : D Muita força!

    ResponderEliminar
  70. não amor, não acho. só o modelo é que é igual mais nada :)

    ResponderEliminar
  71. tu também és meu anjo, mas a duplicar, a triplicar, a quadrupilcar! <3 ♥

    ResponderEliminar
  72. Dentro dos possíveis estou minha querida (: Obrigado, a sério :$

    E tu, vê se ficas bem sim? Sei que é difícil mas tenta sim querida? (: Apoia-te nas pessoas que se preocupam contigo e tentam ajudar : d

    ♥ Obrigado, pela simpatia!

    ResponderEliminar
  73. Normal, mas ainda um pouco confusa :s
    E que se passa Catarina?*

    ResponderEliminar
  74. Ontem não tinha sono e reflecti sobre algumas cenas, mas tive que desviar alguns pensamentos, porque me fazem ter uma saudade insuportável :s

    Mas o que se passa mesmo querida? :|

    ResponderEliminar
  75. obrigada querida :)
    este está magnífico, perfeito mesmo +.+

    ResponderEliminar
  76. de nada querida, é lindo mesmo... identifico-me nele *
    adoro o que escreves, bastante profundo e verdadeiro ;D

    ResponderEliminar
  77. Ainda bem que me compreendes (:
    Isso é complicado, quando são mesmo importantes ficamos em baixo :s , tens que ter força, se precisares de algo já sabes Cat*

    ResponderEliminar
  78. e eu digo-te o mesmo minha querida, nunca deixes de lutar pelo que te faz feliz (:

    ResponderEliminar
  79. tu mereces linda (:

    obs.: música linda mesmo!

    ResponderEliminar
  80. :)

    és estudante do 12º ano? :o não parece nada mesmo xD

    ResponderEliminar
  81. Obrigada (:
    Ergue-me esse rosto lindo, não és merecedora de tal sofrimento* :o
    És uma menina que me tem dado atenção e apoio, não vou sequer agradecer :D

    ResponderEliminar
  82. pela foto que tens no perfil, pareces mais velha, não sei (:

    ResponderEliminar
  83. Há muito tempo que eu não sou a rapariga toda feliz, farta de sorrisos :s
    A vida mudou-me um bocado, acredita* :o
    E por vezes lamento isso mesmo!

    ResponderEliminar
  84. É não é? :s
    Nós que o digamos Catarina, :o
    Porra, porque as coisas não são como nós queremos, porquê? :'

    Tem força, por favor (:*

    ResponderEliminar
  85. Isso é certo, fico com tanta raiva de certas coisas, que por vezes não me consigo controlar :s

    Eu vou arranjá-la, pelo menos tentar* :)

    ResponderEliminar
  86. Talvez, mas sinto-me fraca e sensível :s

    ResponderEliminar
  87. E ainda dizem que a verdade magoa, esta não faz mal nenhum ;)

    ResponderEliminar
  88. oh querida :\ Quando quiseres falar manda sms tas a vontade.
    adoro-te (L

    ResponderEliminar
  89. Pdes crer que possuem mesmo querida, e isso irrita-me tanto :/

    ResponderEliminar
  90. Siim (:
    Como estás querida Catarina? *
    Agora encontrei em ti apoio e conselhos, não vou deixar nunca mais *.*

    ResponderEliminar
  91. Vamos fazer uma coisa eu tenho de ir embora, fazer umas cenas *
    Se quiseres dá para falarmos por msg, :$
    Não gosto de te ver assim :s

    ResponderEliminar
  92. Eu vou tentar fica bem amor, e também te quero bem!

    ResponderEliminar
  93. Ora essa não tens nada que agradecer (L)

    ResponderEliminar
  94. eu tento amor, eu bem tento . estou quase a conseguir <3
    gosto bastante de ti, ja sabes

    ResponderEliminar
  95. mais um texto magnifico !
    catarina , podes-me dizer quem canta esta música se faz favor ? sei apenas que se chama "Killing Me Softly" mas não encontro nenhuma versão como esta !
    beijinhos

    ResponderEliminar
  96. quando estamos apaixonados, as vezes queremos seguir em frente mas não somos capaz pois vai haver sempre alguma coisa, ou alguma momento que nos vai lembrar daquela pessoa, e por ela somos capaz de perder o amor proprio e implorar que ela volte! Muita força princesa :D

    P.S. adoro a musica

    ResponderEliminar
  97. tens textos lindos, lindos *.*
    vou seguir .
    - a forma como expressas-te os teus sentimentos, emocionaram-me bastante, até porque me fez lembrar certas coisas.
    mas agora tens é que seguir em frente e não olhar para trás por mais que custe .

    ResponderEliminar

Abre o teu coração e exprime-te com as palavras que dele chegam (: